Monthly Archives: outubro 2015

Carlos Leite questiona Saae sobre adutora desativada

Uma das quatro adutoras que transportam água da Represa do Clemente (na região da Itupararanga) até a Estação de Tratamento de Água do Cerrado estaria completamente desativada até hoje, desde ao menos 2009, decorrente de paralisação das obras pela empresa ECL Engenharia e Construções LTDA.

Foi essa denúncia que chegou ao gabinete do vereador Carlos Leite (PT). Como consequência, o parlamentar protocolou um requerimento pedindo explicações ao Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto). “Queremos saber em que situação está a reativação da adutora, e quando isso efetivamente ocorrerá”, disse o parlamentar. Read more »

Vereador comemora recape de trechos da Avenida São Paulo

O vereador Carlos Leite (PT) comemorou o início das obras de recape da Avenida São Paulo, que estão sendo feitas na altura do bairro da Árvore Grande e do Parque Natural “Dr. Bráulio Guedes”. Isso porque ele já encaminhou vários pedidos de recape para a referida via, além de emendas parlamentares para cobrir os custos do recape.

Carlos Leite fez várias vezes solicitações de recape da via, e até destinou emendas parlamentares para custear a obra.

Carlos Leite fez várias vezes solicitações de recape da via, e até destinou emendas parlamentares para custear a obra.

Contudo, a prefeitura só vinha realizando o chamado tapa-buracos, medida paliativa quase ineficaz para o nível de deterioração dos locais que hoje estão recebendo o novo asfalto.

“Fizemos várias solicitações de recape, mas a prefeitura não tomava as medidas necessárias para realmente fazer essa obra, tão necessária para a qualidade do trânsito da via, pela qual passam milhares de carros toda a semana”, disse Leite.

No dia 21 o recape foi iniciado na região da Árvore Grande. A partir do dia 26, o recape começará a ser feito na altura do Parque Natural Municipal “Dr. Bráulio Guedes”.

“Essa é uma luta antiga da comunidade, defendida pelo nosso mandato popular e participativo. Vamos continuar lutando para que nossas vias da Zona Leste sejam renovadas com recape nas centenas de ruas que estão com remendos, que até mesmo prejudicam o trânsito”, disse o vereador Carlos Leite.

A previsão é de que as obras fiquem prontas até o dia 30 de outubro, caso não hajam imprevistos. O recape faz parte do pacote de obras contratadas pela Prefeitura no valor total de R$ 33,1 milhões, que beneficiarão 234 vias, de 89 bairros.

 

URBES melhora segurança na Avenida São Paulo, entrada do Gonçalves

A comunidade do bairro Jardim Gonçalves, da zona leste de Sorocaba, comemorou o início da implantação de um conjunto semafórico na saída do bairro, na confluência da Rua Antônio Fernandes com a Avenida São Paulo, que começou na quinta-feira (22).

postar

Segundo moradores locais, a obra era extremamente necessária, para garantir a segurança de motoristas e pedestres que precisam utilizar as vias.

Por diversas vezes, moradores locais solicitaram diretamente à URBES a implantação de um redutor de velocidade nas proximidades da entrada do Gonçalves. Como solução, a empresa pública decidiu implantar um radar permitindo a velocidade de 60 km na região, o que deixou os moradores ainda insatisfeitos. Read more »

Obra parada há 3 meses foi destruída por chuvas

O preparo do solo para pavimentação de uma via da Vila Haro foi totalmente destruído com as chuvas dos últimos dias. A obra estava parada havia mais de três meses, apesar de estar praticamente pronta para receber o asfalto. O trecho em questão fica entre as Ruas Emílio Ribas e João Nóbrega de Almeida.

Carlos Leite inspeciona obra DSC_0017 DSC_0032

Com as chuvas, muitas pedras, areia e terra foram carregadas pelas águas, sendo levadas para dentro do sistema de drenagem pluvial da Rua João Nóbrega de Almeida, entupindo completamente uma boca de lobo. As pedras e a areia ficaram, ainda, sobre o asfalto da Rua, levando o perigo de queda para motociclistas e pedestres.

Moradores locais ficaram irritados com a situação, reclamando da demora da Prefeitura em realizar o asfaltamento da via, que já possui guias e todo o sistema de drenagem pluvial. Foi a segunda vez que a SERP (Secretaria de Serviços Públicos) preparou o solo para receber asfalto. Da primeira vez, as chuvas já haviam praticamente destruído todo o trabalho.

Presente ao local, o vereador Carlos Leite (PT) foi enfático ao reclamar da falta de agilidade da Prefeitura em realizar a pavimentação da via. “Isso é um absurdo. Já é a segunda vez que a Prefeitura prepara o terreno e não coloca o asfalto. É dinheiro público indo para o esgoto, literalmente”, disse o parlamentar.

Leite informou que protocolará um requerimento questionando o Prefeito Antônio Carlos Pannunzio (PSDB) sobre a demora em concluir a pavimentação do local, que há meses estava pronto para receber o asfalto.

“Queremos respostas concretas do Prefeito, e que ele nos diga quanto já gastou com essa obra, já que terá de refazê-la pela terceira vez. Além do dinheiro perdido, os moradores e pedestres são prejudicados, já que a Rua João Nóbrega de Almeida fica praticamente intransitável depois dessas chuvas”, afirmou o vereador.

MP recebe denúncias contra obras da Prefeitura no córrego Itanguá

O Ministério Público recebeu, na segunda-feira (19), uma representação denunciando a falta de qualidade das obras da Prefeitura para  reconstrução do sistema de drenagem do córrego Itanguá, sob as pistas das avenidas Américo Figueiredo e Adão Pereira de Camargo, nos bairros Parque Esmeralda e Jardim Simus. A representação é assinada pela ex-deputada federal Iara Bernardi e pelo vereador Carlos Leite, ambos do PT.

fotos corrego itangua 1 fotos corrego itangua 2

De acordo com a Prefeitura, as obras aumentariam em 90%  a capacidade de drenagem de águas pluviais nos nas áreas sob as duas vias. Nos dois casos, os trabalhos ficaram sob a responsabilidade de execução da empresa Ellenco, a um custo total de mais de R$ 2.5 milhões de reais. Read more »

Empreendedores terão de arcar com custos de alterações viárias

O vereador Carlos Leite (PT) protocolou projeto de lei que obriga os empreendedores do mercado imobiliário a custearem integralmente as obras viárias e medidas ambientais mitigatórias e corretivas decorrentes da implantação de seus empreendimentos.

vereador carlos leite defende medidas mais duras contra trabalho infantil e trabalho escravo

A medida atende à reivindicações de cidadãos que não concordam com o fato de o Poder Público ter de arcar com as adequações viárias e ambientais impostas ao município após a implantação de grandes empreendimentos, como o caso de condomínios empresariais ou residenciais, shoppings e outros prédios que tenham como consequência o aumento significativo do tráfego de veículos.

“O mote maior deste projeto de lei reside nos inúmeros casos de implantação de empreendimentos imobiliários que promovem profundos impactos de vizinhança no município, sendo que a municipalidade acaba arcando com os custos integrais das obras públicas realizadas em decorrência desses impactos”, esclarece o vereador Carlos Leite. Read more »

MP investiga empreendimento imobiliário do Jd. Piratininga

O Promotor de Justiça Jorge Alberto de Oliveira Marum instaurou procedimento preparatório de inquérito civil, acatando solicitação do vereador Carlos Leite (PT), para averiguar a existência de licenciamento ambiental e a possível ocorrência de lesão ao patrimônio vegetal  em uma área localizada na Avenida São Paulo esquina com a Rua Belmira Loureiro de Almeida, Jardim Piratininga, onde há uma grande concentração de árvores correndo risco de serem abatidas para a implantação de um conjunto de prédios residenciais.

Maciço florestal que pode estar em risco de ser extinto, ou diminuído significativamente.

Maciço florestal que pode estar em risco de ser extinto, ou diminuído significativamente.

“O MP acatou nossa representação e está investigando as denúncias que fizemos. Já solicitamos documentos à Prefeitura, mas até agora eles não nos foram enviados. A ação do MP, no sentido de evitar um possível crime ambiental, é essencial nesse momento”, destacou o vereador, que protocolou a representação no órgão no dia 25 de setembro. Read more »

Carlos Leite investiga déficit de ambulâncias em Sorocaba

Prefeito informou que cerca de 60 pessoas que precisam de transporte estão na fila, aguardando para serem atendidos

Hoje, 40 pacientes de fisioterapia e 20 de hemodiálise esperam na fila por um transporte público da Prefeitura Municipal de Sorocaba, para poderem dar andamento em seus tratamentos médicos. Outras seis pessoas que só podem ser transportadas com veículo com maca estão na mesma situação. É isso o que informou o Paço em resposta a ofício do vereador Carlos Leite (PT), que cobrava mais agilidade no atendimento a pacientes com dificuldade ou impossibilidade motora.

Em 2013, 13 ambulâncias aguardavam manutenção.

Em 2013, 13 ambulâncias aguardavam manutenção.

Frente a essa resposta, o vereador protocolou requerimento nesta quinta-feira (15) cobrando mais informações do Prefeito Antônio Carlos Pannunzio (PSDB). Dentre outras coisas, ele quer saber quando serão adquiridas mais ambulâncias, se elas serão compradas ou alugadas, e quando elas estarão em funcionamento para atender à demanda. Read more »

Carlos Leite questiona destino a ser dado a CEI interditado

Prédio da unidade de ensino, interditada por risco de queda, funcionou irregularmente por não ter AVCB.

O vereador Carlos Leite (PT) protocolou nesta quarta-feira (14) requerimento questionando a Prefeitura sobre o destino que será dado ao prédio do Centro de Educação Infantil 03, do Jardim São Paulo, que foi interditado por apresentar riscos de queda. O vereador quer saber se a unidade será demolida ou haverá tentativa de recuperá-la.

Carlos Leite já fez a denúncia ao Ministério Público.

Carlos Leite já fez a denúncia ao Ministério Público.

“Entendemos que a Prefeitura já teve tempo de estudar qual será o melhor destino a ser dado ao prédio, uma vez que já se passaram meses desde a interdição”, diz Leite. “Queremos saber se a empresa que construiu a unidade já foi notificada e arcará com as despesas de construção de nova unidade. Essa é uma questão que nos preocupa, porque chegou a informação de que essa empresa teria ‘desaparecido’ ou falido”, afirma o vereador.

Recentemente, o vereador obteve a informação de que o prédio do CEI 03 funcionou por todo o tempo sem ter o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), documento essencial para qualquer estabelecimento ser aberto ao público. A informação foi passada pela própria Prefeitura, em resposta a outro requerimento de autoria do parlamentar.

Questionada sobre a existência do documento, o Paço informou que “o AVCB ainda não foi finalizado. A SEDU já fez brigada de incêndio. Falta providências da empresa Marco & Santos Engenharia SA”. Quem assinou a resposta foi o secretário de Obras, Antônio Silveira. Read more »

Prédio de CEI interditado por risco de queda não tinha AVCB

O Centro de Educação Infantil 03, do Jardim São Paulo, que encontra-se interditado por apresentar riscos de queda, funcionou por todo o tempo sem ter o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), documento essencial para qualquer estabelecimento ser aberto ao público. Foi isso o que a Prefeitura informou ao vereador Carlos Leite (PT), em resposta a requerimento.

Foto: Jornal Cruzeiro do Sul

Foto: Jornal Cruzeiro do Sul

Questionada sobre a existência do documento, o Paço informou que “o AVCB ainda não foi finalizado. A SEDU já fez brigada de incêndio. Falta providências da empresa Marco & Santos Engenharia SA”. Quem assina a resposta é o secretário de Obras, Antônio Silveira.

O vereador Carlos Leite já representou, no dia 04 de agosto, a situação do prédio ao Ministério Público, denunciando o atual prefeito, Antônio Carlos Pannunzio, e o ex-prefeito Vitor Lippi (ambos do PSDB) por responsabilidade nas obras do CEI. “Cremos ter havido imperícia por parte do corpo técnico da empresa construtora e da Prefeitura”, defendeu o parlamentar no momento do protocolo. Leite deve pedir ao MP a inclusão da resposta da Prefeitura no processo de investigação do órgão. Read more »

« Older Entries